Saber sobre: Quais são os Direitos dos Estagiários segundo a Lei

Introdução

Introdução

Os estágios são uma etapa importante na vida profissional de muitos estudantes e recém-formados. Além de proporcionar a oportunidade de adquirir experiência prática em sua área de estudo, os estágios também podem ser uma porta de entrada para o mercado de trabalho. No entanto, é essencial que os estagiários conheçam seus direitos e estejam cientes das leis que os protegem durante esse período. Neste glossário, iremos abordar de forma detalhada os direitos dos estagiários segundo a legislação brasileira.

O que é um estágio?

Antes de discutirmos os direitos dos estagiários, é importante entender o que é considerado um estágio. De acordo com a Lei nº 11.788/2008, o estágio é definido como um ato educativo escolar supervisionado, desenvolvido no ambiente de trabalho, que visa à preparação para o trabalho produtivo. O estágio deve ser compatível com o horário escolar do estudante e ter como objetivo complementar o ensino e a aprendizagem.

Quem pode ser estagiário?

Os estágios são destinados a estudantes regularmente matriculados e frequentando cursos de educação superior, educação profissional, ensino médio, educação especial e dos anos finais do ensino fundamental, na modalidade profissional da educação de jovens e adultos. É importante ressaltar que o estagiário não pode ser contratado como empregado, ou seja, não pode exercer as mesmas funções de um funcionário efetivo da empresa.

Duração do estágio

A duração do estágio varia de acordo com o nível de escolaridade do estudante. Para estudantes do ensino médio, a carga horária máxima é de 6 horas diárias e 30 horas semanais. Já para estudantes do ensino superior, educação profissional de nível médio e ensino médio na modalidade profissional da educação de jovens e adultos, a carga horária máxima é de 6 horas diárias e 30 horas semanais, exceto nos casos em que o estágio é obrigatório para a conclusão do curso, onde a carga horária pode ser de até 40 horas semanais.

Bolsa-auxílio e benefícios

Os estagiários têm direito a receber uma bolsa-auxílio, que é uma remuneração pelo trabalho realizado durante o estágio. O valor da bolsa-auxílio pode variar de acordo com o nível de escolaridade do estudante, a carga horária e a região onde o estágio é realizado. Além da bolsa-auxílio, os estagiários também têm direito a receber auxílio-transporte, quando o estágio não for realizado na mesma cidade onde o estudante reside, e a seguro contra acidentes pessoais.

Férias

Os estagiários têm direito a férias remuneradas, que devem ser concedidas de forma proporcional à duração do estágio. Para estágios com duração de até 1 ano, o estagiário tem direito a 30 dias de férias. Para estágios com duração superior a 1 ano, o estagiário tem direito a 30 dias de férias a cada 12 meses de estágio. É importante ressaltar que as férias devem ser concedidas preferencialmente durante as férias escolares do estudante.

Supervisão e orientação

Os estagiários devem ser supervisionados e orientados por um profissional da empresa, que será responsável por acompanhar e avaliar o desempenho do estagiário. A supervisão e orientação são fundamentais para garantir que o estágio cumpra seu objetivo educativo e proporcione ao estudante uma experiência de aprendizagem relevante para sua formação profissional.

Rescisão do estágio

Tanto o estagiário quanto a empresa têm o direito de rescindir o contrato de estágio a qualquer momento, desde que seja comunicado com antecedência. No caso do estagiário, é importante comunicar sua decisão de rescindir o contrato à empresa, para que esta possa providenciar a documentação necessária. Já no caso da empresa, é importante comunicar a rescisão ao estagiário e ao órgão responsável pela supervisão do estágio.

Direitos trabalhistas

É importante ressaltar que os estagiários não possuem os mesmos direitos trabalhistas dos funcionários efetivos da empresa. Os estagiários não têm direito a férias remuneradas, 13º salário, aviso prévio, FGTS, entre outros benefícios trabalhistas. No entanto, os estagiários têm direito a receber uma bolsa-auxílio, auxílio-transporte e seguro contra acidentes pessoais, como mencionado anteriormente.

Registro do estágio

Todo estágio deve ser registrado em um termo de compromisso, que é um documento que formaliza o acordo entre o estagiário, a empresa e a instituição de ensino. O termo de compromisso deve conter informações como a identificação das partes envolvidas, a área de atuação do estágio, a carga horária, a bolsa-auxílio, o auxílio-transporte, entre outras informações relevantes. O termo de compromisso deve ser assinado pelo estagiário, pela empresa e pela instituição de ensino antes do início do estágio.

Conclusão

Em resumo, os estagiários têm direitos garantidos por lei, que visam proteger seus interesses e assegurar que o estágio seja uma experiência educativa e enriquecedora. É fundamental que os estagiários conheçam seus direitos e estejam cientes das leis que os regem, para que possam exigir seu cumprimento e garantir uma experiência de estágio positiva. Este glossário foi elaborado com o objetivo de fornecer informações detalhadas sobre os direitos dos estagiários, de forma a auxiliar estudantes e recém-formados a compreenderem seus direitos e deveres durante o estágio.

Compartilhar:

Anuncie aqui

Entre em contato para anunciar no

Portal Conectar Niterói

× Como posso te ajudar?